História Agora

História: uma palavra, vários sentidos

Assim como em outros idiomas, na língua portuguesa o termo “história” é polissêmico, ou seja, possui mais de um significado, o que gera uma série de confusões quando o utilizamos.

Conforme o professor Estevão de Rezende Martins¹, o termo “história” possui, ao menos, três significados em nossa língua. Vejamos:

1: Ele pode se referir ao conjunto da vida humana no tempo, o que comumente se chama de “o curso da história”;

2: Além disso, o termo “história” pode se referir a diversos tipos de narrativas, desde ficcionais, como contos literários, anedotas,  romances, até as que almejam certo grau de veracidade, como a historiografia, a memória. 

3: Por fim, o último sentido se refere à história enquanto conhecimento controlável e demonstrável, produzido a partir de hipóteses e material empírico, ou seja, um conhecimento científico.

NOTAS

1 MARTINS, Estevão de Rezende. Conhecimento histórico e historiografia brasileira contemporânea. Disponível em: Revista Portuguesa de História.

Robson Bertasso

Acadêmico do curso de História da UFPR. Possui interesse em temas relacionados à História da Historiografia e à História das Ciências Sociais na França. contato@historiaagora.com.br

Comentários no Facebook